4G já representa mais de 52% do mercado de linhas móveis

O país chegou a 234,3 milhões de linhas móveis em operação em agosto, queda de 3,22% na comparação com igual mês do ano passado, após cancelamento de 7,8 milhões de chips. Frente a julho, a redução foi 0,16%, com 383 mil acessos a menos, informou a Anatel, nesta segunda-feira (1º).

As linhas de 4G totalizam 122,6 milhões de unidades (52,33% do mercado) em agosto, seguidas pela de 3G, 67,6 milhões (28,85%), 2G, 26,4 milhões (11,30%). As linhas móveis voltadas para aplicações máquina-máquina (M2M) são 17,62 milhões (7,52%).

A Vivo continua na liderança do mercado, com 74,9 milhões de linhas móveis (31,98%), seguida da Claro, com 58,8 milhões (25,09%). Na terceira posição, a TIM somou 56,1 milhões (23,97%) e a Oi com 38,8 milhões (16,57%), permaneca a quarta operadora em market share. As pequenas prestadoras da telefonia móvel juntas somam 5,6 milhões de linhas (2,39%).

Com exceção da Vivo que apresentou crescimento, mais 386 mil linhas móveis (+0,52%) em 12 meses, as outras grandes prestadoras nacionais apresentaram redução: Claro, menos 1,6 milhão (-2,75%), TIM, menos 4,1 milhões (-6,93%), e Oi, menos 3,1 milhões (-7,57%). As pequenas prestadoras apresentaram crescimento total de 838 mil linhas (+17,62%).

As linhas móveis pós-pagas são 94,9 milhões em agosto de 2018, crescimento de 11,30 milhões (+13,50%). E as pré-pagas são 139,3 milhões, redução de 19,10 milhões (-12,05%).(Com assessoria de imprensa)

Título: 4G já representa mais de 52% do mercado de linhas móveis
Atualizada: outubro 3rd, 2018
Autor: APW Brasil
« De volta para Notícias