Novas tecnologias para a distribuição do sinal de telefonia celular

A tecnologia de distribuição de sinal de telefonia celular se renova constantemente e a implantação das chamadas “gerações” de transmissão tem sido progressivamente mais rápida nos últimos anos. Da mesma forma que nossos aparelhos celulares evoluíram e passaram a ter outras funções, também a tecnologia de transmissão do sinal se modificou e é alvo de novos projetos e formatos inovadores.

A tradicional rede de telefonia celular, composta por torres de telecomunicações e antenas instaladas nos terraços dos edifícios de grandes centros urbanos, é cada dia mais inviável para as operadoras em termos de custos operacionais e funcionalidade. Logo, novas opções têm se tornado mais eficazes e práticas para acompanhar as mudanças e demandas de uma sociedade cada vez mais conectada.

Estruturas convencionais x Mini antenas

As convencionais torres e antenas tornam-se ser uma despesa cada vez mais impraticável para as operadoras devido ao seu alto custo de instalação e manutenção, e também à limitação em termos de capacidade de suportar equipamentos e área de cobertura. De modo a reduzir os custos operacionais e otimizar a distribuição do sinal, as operadoras celulares começam a investir em small cells (mini antenas).

As mini antenas podem ser anexadas em postes de energia, semáforos de trânsito, pontos de ônibus e outras estruturas menores, fazendo com que sejam mais versáteis e dinâmicas que as infraestruturas convencionais. Devido à alta funcionalidade e às vantagens das mini antenas, é possível que as tradicionais torres e antenas percam espaço nesta nova configuração da rede de telefonia celular.

Projeto Loon

O projeto Loon, que está sendo desenvolvido pelo Google, consiste no fornecimento de internet e conectividade para regiões rurais e com menor densidade populacional através de balões colocados na estratosfera.

Os balões devem formar uma rede sem fio capaz de fornecer cobertura e sinal de telefonia para as áreas almejadas. Com baixa manutenção e alta efetividade, o projeto Loon aparece como uma alternativa viável e eficiente de se difundir o sinal para regiões onde a instalação de infraestruturas convencionais é difícil e altamente custosa.

No Brasil, já foram realizados testes no Norte e Nordeste e os resultados têm sido promissores. A empresa tem trabalhado próximo aos governos locais e órgãos da ONU com o objetivo de auxiliar no desenvolvimento sustentável do planeta. O Projeto Loon garantiu acesso à internet a 300 mil pessoas em Porto Rico depois que o furacão Maria destruiu a infraestrutura local em 20171.

Satélites

A oferta de sinal de telefonia celular também começa a ser efetuada de forma mais significativa por satélites. Operadoras e empresas de telecomunicações têm investido mais nesta tecnologia capaz de fornecer acesso à internet e cobertura celular em áreas remotas de todo o país.

Mesmo que este seja um investimento alto, o custo desta tecnologia é muito inferior comparado ao custo que seria levar para essas regiões a infraestrutura necessária para a distribuição do sinal; ademais, o satélite consegue cobrir diversas regiões ao mesmo tempo, o que o torna ainda mais eficiente e rentável para as operadoras.

Como isto pode impactar o meu contrato de locação?

De modo geral, as novas tendências tecnológicas que surgem no mercado oferecem alternativas mais eficazes e financeiramente vantajosas para as operadoras fornecerem sua cobertura celular, deixando assim de depender das tradicionais torres e antenas.

A nova estruturação da rede de telefonia pode promover a desativação de algumas torres e antenas ou mesmo uma nova política de valores de aluguéis, o que impactará diretamente os proprietários de contratos de locação de torres e antenas de telefonia celular. Por este motivo, cada vez mais proprietários optam pelo nosso investimento em seus contratos de locação, de modo a eliminar seus riscos e garantir o recebimento de sua renda. Para mais informações sobre a APW Brasil e o processo de investimento no seu contrato, entre em contato conosco pelo 0800 591 6072 ou através deste link.


1Delivering emergency connectivity in Puerto Rico. Disponível em: https://loon.co/. Acesso em 15/01/2019.

Título: Novas tecnologias para a distribuição do sinal de telefonia celular
Atualizada: janeiro 21st, 2019
Autor: APW Brasil
« Voltar ao Blog